Áudio Básico

  • Classes de amplificação

    As maneiras do estágio de saída de um amplificador aplicar ganho de corrente foram classificadas pelo parâmetro da completeza desta corrente e agrupados em classes. Essa classificação resulta nas classes de amplificação.

  • É seguro utilizar amplificadores na impedância mais baixa?

    A resposta a esta importante questão está condicionada ao usuário conhecer muito bem as caixas acústicas que pretende utilizar. Aqui abordaremos o assunto passo a passo e ao final deste artigo o leitor estará seguro para respondê-la.

  • Especificando a potência do amplificador considerando o regime

    A filosofia de apresentação de potência utilizada pela Next Pro é a que leva em consideração o regime em que o amplificador irá trabalhar, pois acreditamos que nada é mais justo do que conhecer por antecipação o desempenho do produto pretendido nas suas reais condições de operação!

  • Ganho vs. Sensibilidade. Qual a melhor opção?

    No Brasil há uma grande diversidade de ganhos e sensibilidades de entrada nas diversas marcas e modelos de amplificadores disponíveis. Isto exige cuidado na eventualidade de se misturar os diversos padrões em um mesmo tipo de trabalho.

  • O Multiflex e como ele funciona

    O incrível sistema Multiflex da Next Pro permite obter a mesma potência para uma larga faixa de impedâncias. Veja aqui como isto é possível!

  • Uma breve história dos amplificadores de áudio

    Desde que o Dr. Lee De Forest inventou o amplificador de áudio em 1909 a partir da sua válvula triodo, os amplificadores empregaram técnicas analógicas. Estas atingiram seu auge nos anos 1970-80 e foram capazes de obter reprodução sonora com um grau de fidelidade bastante alto, mas as custas de grandes perdas de energia, ou seja, um grande aquecimento.